Evento Passado: Ativismo porto-riquenho de Nova York a San Juan - e além

Quando: Terça-feira, 25 de fevereiro, 6:30
Preço: US $ 12 ou mais | US $ 10 para membros do museu
Imagem de Young Lords
Juan Gonzales, no Escritório dos Jovens Lordes, Hiram Maristany, ca. 1971, Modern Print, cortesia do artista; Solidariedade com o comício de Porto Rico Chicago Illinois 5-7-18, foto de Charles Edward Miller via Flickr Creative Commons

O trabalho ativista do Partido dos Jovens Lordes continua sendo um ponto de referência para ativistas contemporâneos, tanto na cidade de Nova York quanto na ilha de Porto Rico. Em nenhum lugar isso é mais claro do que nos esforços atuais da diáspora porto-riquenha para apoiar as lutas progressivas na ilha. Historicamente, essas pontes de solidariedade provaram ser inestimáveis ​​e carregadas, pois os ativistas navegam aqui e ali, suas identidades cruzadas e as histórias divergentes de suas comunidades. Johanna Fernández, autor do próximo livro, Jovens Senhores: Uma História Radical (Fevereiro de 2020), se senta para conversar sobre ativismo, diásporas e descolonização com ativista, organizador e pesquisador Pablo Benson-Silva, cineasta, escritor e estudioso Frances Negrón-Muntaner, ex-jovem lorde Mickey Melendez, e o Monxo López, bolsista de pós-doutorado da Fundação Andrew W. Mellon no Museu da cidade de Nova York.

Sobre os oradores:
Pablo Benson-Silva é ativista, organizador e pesquisador nascido e criado em San Juan, Porto Rico, que se mudou para Nova York há mais de 14 anos. Ele esteve envolvido em muitos projetos que abrangem Ocupe Wall Street, Rede de Ajuda Mútua de Porto Rico, Cidades sem Medo e o movimento de cooperativas de trabalhadores. Ele também é sócio do Movement Netlab, um grupo de pensar e aprender sobre movimentos sociais em rede. Desde o verão de 2017, Benson-Silva atua no Conselho de Administração da Federação Americana de Cooperativas de Trabalhadores e é diretor de membros da Rede de Cooperativas de Trabalhadores de Nova York. Ele estudou sociologia na Universidade de Porto Rico e na Nova Escola de Pesquisa Social e, mais do que ocasionalmente, se diverte no ensino.


Johanna Fernández ensina História dos EUA no século XX, a história dos movimentos sociais, a economia política das cidades americanas e a história afro-americana no Departamento de História do Baruch College (CUNY). É autora, editora e co-editora de vários livros e revistas, incluindo Jovens Senhores: Uma História Radical (Fevereiro de 2020) e o Escrevendo no Muro: Escritos Prisionais Selecionados de Mumia Abu-Jamal (2015). Dirigiu e co-curou a exposição ¡Presente! Os jovens senhores em Nova York no Museu de Artes do Bronx, El Museo del Barrio e Loisaida Inc. Os escritos de Fernández apareceram em muitas publicações, incluindo Al Jazeera, The New York Times, NPR e O Wall Street Journal. Seus prêmios incluem a bolsa Fulbright Scholars para o Oriente Médio e o norte da África e um programa National Endowment for Humanities Fellowship do programa Scholars-in-Residence no Schomburg Center for Research in Black Culture da Biblioteca Pública de Nova York.

Miguel “Mickey” Melendez, Autor de Nós levamos as ruas (2003), possui mestrado em administração pública e ocupou cargos executivos na Corporação Hospitalar e de Saúde da Cidade de Nova York, Autoridade de Habitação e Departamento de Educação. Melendez também lecionou no Departamento de Estudos Hispânicos do Baruch College e atualmente é professor no John Jay College of Criminal Justice. Como ex-jovem lorde, ele continua sendo um ativista comprometido pelos direitos de Porto Rico.

Frances Negrón-Muntaner é cineasta, escritora, estudiosa e professora da Universidade de Columbia, onde também é curadora fundadora da Arquivo Latino de Artes e Ativismo. Entre seus livros e publicações estão Latino Media Gap (2014), e Atos soberanos: contestando o colonialismo nas nações indígenas e na América Latina (2017). Seus filmes mais recentes incluem Guerra por Guam (2015) e Vida lá fora (2016). Ela recebeu vários prêmios e bolsas, incluindo bolsas Ford e Pew, o Lenfest Award (2012) e o OZY Educator Award inaugural (2017). Em 2008, o Mecanismo de Resposta Rápida das Nações Unidas a reconheceu como especialista global nas áreas de mídia de massa e estudos latino-americanos. Ela lançou Valor y Cambio, em 2019, um projeto de arte, narração digital e economia justa em Porto Rico (valorymcambio.org) que recebeu o Prêmio Borimix de 2019 da Society for Educational Arts em Nova York.

Monxo López (moderador) é pesquisador, educador, cartógrafo e ativista urbano do sul do Bronx. Atualmente, é bolsista da Fundação Mellon no Museu da Cidade de Nova York e foi bolsista de mapeamento no Design Trust for Public Spaces. Ele também é membro fundador da South Bronx Unite (uma organização local de justiça ambiental), bem como um membro fundador e do conselho da Mott Haven / Port Morris Community Land Stewards, o Community Land Trust local. López é Ph.D. em ciência política pelo Centro de Pós-Graduação da CUNY. Ele cresceu em Porto Rico e atualmente vive em Mott Haven, no sul do Bronx.

Este programa é inspirado em nossa contínua Ativista Nova York exibição. Para visualizar todos os programas da série, clique em aqui.

$ 15 Adultos | $ 12 Idosos, Alunos e Educadores (com identificação)
US $ 10 para membros do museu

Membros: Para receber seu desconto, clique no botão "Comprar ingressos" acima e faça login na sua conta na página de emissão de bilhetes.

Grupos de 10 ou mais obter descontos; contacte-nos em programas@mcny.org ou 917.492.3395.

Acessibilidade: Estão disponíveis dispositivos de escuta assistida e nosso elevador de cadeira de rodas para auditório pode acomodar cadeiras de rodas motorizadas e manuais (capacidade máxima de 500 libras). Entre em contato com o Museu no 917.492.3333 ou info@mcny.org com todas as perguntas.

Apoiadores

Ativista Nova York e seus programas associados são possibilitados por A Fundação Puffin, Ltd.

Ativista Nova York é a exposição inaugural em A Fundação Puffin Gallery, dedicada às maneiras pelas quais os nova-iorquinos comuns exerceram seu poder de moldar o futuro da cidade e do país.

Junte-se ao MCNY!

Quer ingressos gratuitos ou com desconto, convites para eventos especiais e muito mais?